Administração Pública obteve a melhor nota na avaliação do Inep

Oferecido na modalidade de educação a distância, o curso de Administração Pública obteve o melhor conceito, cinco, na avaliação realizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). É a segunda vez que o curso recebe a melhor avaliação do instituto responsável por acompanhar o funcionamento dos cursos de nível superior do país.

Realizada nos dias 4 e 5 de fevereiro, a visita às dependências do Centro de Educação a Distância da Ufam (CED) permitiu aos avaliadores verificar o funcionamento do curso a partir da sede, em Manaus. Durante o processo, os representantes do Inep consideraram quesitos referentes às dimensões: organização didático-pedagógica, infraestrutura e corpo docente. “Independente da avaliação, o trabalho vem sendo feito ao longo do tempo. Então, o curso já vinha de um conceito cinco, obtido em 2014, e nós conseguimos mantê-lo agora na renovação do reconhecimento do curso e esse resultado é atribuído a um esforço coletivo, de todos aqueles que estão direta ou indiretamente vinculados ao nosso curso, como professores, técnico-administrativos e alunos, gestores e colaboradores”, declarou o coordenador do curso, professor Armando de Souza Júnior.

De acordo com o diretor do CED, professor Evandro Ramos, os dois avaliadores do Inep foram recebidos na manhã do dia quatro pelo reitor da Ufam, professor Sylvio Puga, e pela equipe do CED, que esteve à disposição dos visitantes durante o processo de avaliação. “Para nós, é um motivo de orgulho, é uma conquista do curso, do CED, da Ufam, de todos nós. A gente se esforça muito para que a equipe seja bem integrada e para poder, nesse momento, conseguir esse conceito”, afirma o diretor.

Ofertado nos polos localizados em Manaus, Tefé e Cruzeiro do Sul (Acre), o curso de Administração Pública iniciou o terceiro módulo no último final de semana e tem em torno de 110 alunos ativos. “Esse número pode variar um pouco em razão das atividades feitas, como a prova de repercurso, pelas quais alunos reprovados podem seguir no curso, já que ele não tem uma oferta regular”, explica o coordenador.

Como se trata de um curso a distância, a avaliação considera aspectos específicos como o corpo de tutoria, que são colaboradores responsáveis pela correção de atividades e todo acompanhamento dos alunos.  “Como todo processo de avaliação, sempre fica aquela expectativa, mas acreditamos que todos fizeram um bom trabalho. O resultado não é conquistado apenas por uma pessoa, é um esforço coletivo. O resultado vem agraciar todo esse trabalho que foi feito nos últimos anos e principalmente por manter o conceito máximo”, finalizou o professor Armando.