Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Serviço de Ortopedia e Traumatologia HUGV/EBSERH comemora a aprovação de 100% da sua turma de residentes junto à Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT)

Publicado: Terça, 03 de Setembro de 2019, 14h08 | Última atualização em Terça, 03 de Setembro de 2019, 16h03 | Acessos: 465

Egresso da Ufam conquistou o 1º lugar na prova de título para a Sociedade Brasileira do Quadril (SBQ), que é considerada uma das mais complexas do País

Por Márcia Grana
Equipe Ascom Ufam

O Departamento de Ortopedia e Traumatologia do Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV/EBSERH) comemora mais um ano a aprovação de 100% dos residentes da área de Ortopedia do HUGV junto à Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT).

Ufam em evidência nacional

O chefe do serviço de Ortopedia e Traumatologia do HUGV/EBSERH, professor Chang Chia Po, afirma que a aprovação de todos os residentes do HUGV da área de Ortopedia coloca a Universidade Federal do Amazonas em evidência nacional. “Após a residência, nossos egressos passam mais um ano fazendo a subespecialidade na SBQ, que consiste em um processo com cinco etapas e, geralmente, a média de reprovação é de 30%, mas nós, da Ufam, nos orgulhamos de aprovar 100% dos nossos residentes. Ficamos ainda mais orgulhosos quando um deles consegue alcançar a primeira colocação na obtenção do título junto à Sociedade Brasileira do Quadril. Isso engrandece a instituição e estimula outros residentes a serem os melhores do país”, destaca o professor, que também é pai do residente Rafael Chang, que conquistou o primeiro lugar na prova de título da Sociedade Brasileira de Quadril (SBQ).

Fellowship em Ortopedia no HUGV

Ele destaca ainda os planos de o HUGV oferecer a qualificação em Manaus. “O trabalho é contínuo. Investimos em nossos residentes para que retornem como preceptores com experiência adquirida no R4, qualificação que ainda não há em Manaus. Temos o projeto de daqui a 3 ou 5 anos oferecer  a qualificação no HUGV, na subespecialidade em Ortopedia Coluna, Quadril, Joelho, Ortopedia Pediátrica, Ombro, Cotovelo e outros. Pretendemos formar especialistas que atendam demandas de alta complexidade sem que nossos residentes precisem sair do Amazonas para obter essa formação”, declarou o chefe do Departamento de Ortopedia e Traumatologia do HUGV/EBSERH.

Rotina intensa

Egresso da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Amazonas (FM/Ufam) da turma de 2013 e residente HUGV/EBSERH até o ano de 2016, Rafael Wei Min Chang, relata a rotina intensa de atendimentos e plantões até alcançar a titulação R4 junto à SBQ. “Sempre tive uma rotina bem pesada quanto à carga horária. Em alguns períodos cheguei a ultrapassar 80 horas semanais durante o primeiro ano de residência (R1). Além de realizar internações, passar visita, preparar os pacientes para cirurgia, auxiliar no centro cirúrgico e enfermaria, dar plantão nos pronto-socorros, dar plantão de enfermaria, preparar a visita das sextas-feiras, ainda tínhamos que estudar”, conta o egresso de Medicina da Ufam.

Dedicação da conquista

“Essa rotina "pesada" de R1 é comum a todos os serviços de ortopedia que já visitei. Muitos desistem nessa fase. No terceiro ano de residência (R3) somos muito mais cobrados quanto ao nível de conhecimento. Afinal, para o serviço continuar credenciado junto à SBOT (Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia), pelo menos 50% dos residentes egressos devem ser aprovados na prova de título (TEOT), que é realizada anualmente em Campinas. Caso menos de 50% seja aprovado, o programa entra em moratória, ou seja, corre risco de ser descredenciado, Em Em 2017 iniciei o R4 em cirurgia do quadril no hospital Cajuru, em Curitiba/PR. Como a prova da SBQ ocorre a cada 2 anos, não pude cursá-la em 2017. Fiz em 2019 e, para a minha surpresa, obtive a primeira colocação nacional. Compartilho essa conquista com o meu serviço de R4 no Hospital Cajuru, em Curitiba, e com o programa de ortopedia da UFAM/HUGV”, completa.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página