Substância isolada de planta da Amazônia reduz gordura corporal

Professor Emerson Lima manipula substância no Laboratório de Atividade Biológica  da FCFProfessor Emerson Lima manipula substância no Laboratório de Atividade Biológica da FCF

Substância isolada de uma planta da Amazônia poderá se transformar em um medicamento com potencial na redução da obesidade e de outras síndromes metabólicas. A Amirona, encontrada na parte resinosa do Breu-Branco (Protium spruceanum Benth), reduziu consideravelmente a gordura corporal de camundongos em experimento realizado em laboratório do curso de Farmácia da Ufam.

A substância Amirona, encontrada na resina do Breu-Branco (planta encontrada em toda parte da Amazônia), mostrou-se eficiente na redução da gordura corporal de camundongos. A experiência ocorreu no Laboratório de Atividade Biológica da Faculdade de Ciências Farmacêuticas, coordenado pelo professor Emerson Lima, do curso de Farmácia da Ufam, e consistiu na ingestão da substância em animais obesos.

Os roedores foram submetidos a uma dieta intensamente calórica até atingirem a obesidade. Em seguida, um grupo recebeu doses de Amirona e, outro grupo, doses de Xenical, um dos medicamentos atualmente no mercado para tratamento da obesidade.  A Amirona mostrou-se mais eficiente na diminuição da gordura corporal, enquanto que o Xenical, apesar de também ter reduzido o peso dos camundongos, apresentou menor intensidade. A redução do peso, dos que ingeriram a Amirona, ficou negativa em relação ao outro grupo que ingeriu o Xenical.  

A pesquisa teve início com o aluno de doutorado de Química, André Luis Rüdiger, do Q-Bioma, que mapeou várias espécies de prótion (gênero da família do Breu) e passou a estudar quimicamente, basicamente as resinas, procurando isolar moléculas (triterpenos). Depois o material foi levado pela estudante de Pibic do curso de Farmácia, Débora Braz(hoje professora), para o Laboratório de Atividade Biológica da FCF, para testes biológicos de compostos. A partir de vários ensaios observou-se que o Breu tinha duas partes: uma volátil (responsável pelo cheiro) e outra resinosa (onde estão às substâncias Amirina, que contém 70% da massa do Breu e, a Amirona, entre outras substâncias).

Depois de analisar as amostras (processo de detecção do princípio ativo), verificou-se que a substância Amirona apresentava uma ação que inibia a lipase (uma enzima produzida no pâncreas que age na diminuição da absorção de gordura). Como as duas substâncias apresentaram níveis diferentes de ação foi preciso sintetizar a Amirona (trabalho da doutoranda Rosilene Silva) para tê-la em maior quantidade. A partir deste processo foi possível realizar a experiência com camundongos.     

Além da perda significativa de gordura, a substância reduziu também a glicemia e o triglicerídeo do animal. Isto abre uma perspectiva enorme para tratamento de pacientes que tenham síndrome metabólica (pacientes que apresentam sintomas de várias doenças ao mesmo tempo). O próximo passo da pesquisa é analisar a toxicidade da substância no organismo dos camundongos.

“Esse tipo de pesquisa é benéfico em vários aspectos, não só porque pode resultar no desenvolvimento de uma medicação para tratar o diabetes, o colesterol alto, a hipertensão, a inflamação, entre outras possíveis atividades da Amirona, mas porque a imagem da Universidade é ressaltada. Mostramos para a sociedade que pulamos os muros da academia para levar soluções e desmistificar a ideia de que aqui é um lugar onde não se produz nada. Mostrar que estamos empenhados em resolver as demandas sociais e que o espaço da pesquisa é formado por pessoas compromissadas. A universidade tem um papel importante na produção de novas tecnologias que vão favorecer a população. A possibilidade de produzir um único medicamento para tratar diversas síndromes é uma esperança para muita gente. Além de reduzir a gordura corporal, a substância diminuiu a glicemia, o que abre a possibilidade de tratamento do diabetes. Os extratos de plantas amazônicas sempre despertaram interesse de pesquisadores na busca de novos medicamentos. Neste momento não podemos afirmar que a substância irá se transformar em um medicamento. Ainda precisa passar por diversas etapas (alguns anos) até ser aprovado para o uso humano”, afirmou o pesquisador Emerson Lima. 

Nota de Pesar - Professor Paulo Roberto Castro da Costa

A Universidade Federal do Amazonas (UFAM), em especial a Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF), informa com pesar o falecimento do professor Paulo Roberto Castro da Costa, na tarde de sexta-feira, 24. Além de docente da FCF, Paulo Roberto Costa assumiu cargos como o de presidente do Conselho Regional de Farmácia do Estado do Amazonas (CRF-AM).

O velório ocorre na Viana Funerária, localizada na Av. Getúlio Vargas, 860, Centro. A previsão de sepultamento será às 10h de sábado, 25, no Cemitério Parque Tarumã.

Proasi realiza festa de confraternização junina para a comunidade

Estudantes voluntárias do ProasiEstudantes voluntárias do ProasiO Programa de Atenção à Saúde do Idoso (PROASI) da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) promoveu nesta sexta-feira (24) a “Festa Junina do Proasi” no Centro Comercial Nossa Senhora das Graças, localizado na Rua Libertador, s/nº, no bairro Nossa Senhora das Graças (Beco do Macedo), sede do Programa.

A tradicional festa, que ocorre há 13 anos, proporciona aos idosos um momento de confraternização e diversão com a comunidade através de atividades como bingo, pescaria, comidas e danças típicas, além de bazar com sorteios e brincadeiras.

Segundo a professora Camila Carlos Bezerra, coordenadora do Programa, as atividades festivas são uma extensão do trabalho realizado com os idosos. “As danças são adaptadas para a capacidade motora e também estimulam a memória do nosso público”, explicou.

Jéssica Maria, acadêmica de Enfermagem, e Michelle Lopes, do curso de Psicologia, falaram sobre a necessidade de mais voluntários no programa. “Estudantes de todas as áreas, mas principalmente de Fisioterapia ou de Educação Física que tenham disponibilidade e interesse em ajudar são sempre bem-vindos”, ressaltaram.

Dona Creusa Jesus Santos, uma senhora de 88, aguardava a quadrilha acompanhada de sua neta Silmara Mendonça, 23. Para Dona Creusa e sua neta Silmara MendonçaDona Creusa e sua neta Silmara Mendonçaela a festa é um momento importante em sua socialização. “Gosto muito das atividades e participo desde o início, principalmente das festas”, comemorou.

A neta Silmara notou a diferença positiva que o Programa representa na vida da avó, ao explicar como dona Creusa começou a participar do Proasi: “Antes ela estava muito triste. Isso foi na época do falecimento do meu avô. Quando começou a frequentar as atividades, voltou a ficar animada e feliz. Por isso eu faço questão de acompanhá-la”.

Proasi

O Programa de Atenção à Saúde do Idoso (Proasi) funciona nas quartas e sextas das 14h às 16h, no Centro Comercial Nossa Senhora das Graças, localizado na Rua Libertador, s/nº Bairro Nossa Senhora das Graças (Beco do Macedo).

Desenvolvendo ações de promoção da saúde e prevenção de doenças das pessoas idosas, visando principalmente o envelhecimento saudável e estimulando a autonomia, independência, integração e participação efetiva na sociedade.

Interessados podem entrar em contato através dos telefones: 98284-9181 ou 98174-0807

 

Centro de Artes realiza testes de aptidão para cursos livres e grupos artísticos. Atividades são gratuitas

Para participar, o candidato precisa apresentar documento oficial com foto e realizar o teste de aptidão conforme o cronograma para a faixa etária equivalente

O Centro de Artes da Universidade do Amazonas (CAUA) abre inscrições para os testes de aptidão 2016/2 para os cursos livres e para os grupos e corpos artísticos. Para participar, é necessário comparecer no dia, local e horário para os testes.

Cada modalidade possui um objetivo específico e pode ou não ter requisitos. Todos os cursos estão distribuídos por faixa etária e nível de conhecimento, o que facilita o desenvolvimento das atividades. No encerramento das aulas, os alunos realizam apresentações artístico-pedagógicas para mostrar o resultado do trabalho.

Seleção – os testes de aptidão serão realizados entre os dias 1º e 07 de julho. Os resultados serão divulgados no dia 11 de julho (segunda-feira). A matrícula ocorrerá entre os dias 11 e 28 de julho e as aulas deverão iniciar no dia 8 de agosto de 2016.

Os alunos que já participam dos cursos e grupos artísticos do Centro de Artes precisam renovar a matrícula. Portanto, devem apresentar documento de identificação oficial com foto.

Abaixo, segue a lista de cursos e grupos e as datas dos respectivos testes de aptidão:

1. DANÇA CONTEMPORÂNEA PARA INICIANTES

Professora: Demmy Ribeiro

Os testes ocorrerão no dia 01 de Julho, das 9h às 11h, para pessoas com idade mínima de 15 anos, para 1 turma (segunda e sexta, 9h30 às 11h)

2. VIOLINO (NIVEL 02)

Professor: Elidielson dos Santos

Os testes ocorrerão no dia 04 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade mínima de 14 anos, para quatro turmas (terça-feira, das 16h às 18h; quarta-feira, das 14h às 16h; quarta-feira, das 16h às 18h; quinta-feira, das 16h às 18h).

3. VIOLINO PARA INICIANTES

Professor: Elidielson dos Santos

Os testes ocorrerão no dia 04 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade mínima de 15 anos, para uma turma (quinta, das 18h às 20h).

4. POWER FLEX PARA INICIANTES

Professora: Demmy Ribeiro

Os testes ocorrerão no dia 04 de Julho, das 09h às 11h, para pessoas com idade mínima de 15 anos, para uma turma quarta-feira, 9h30 às 11h; sexta- feira, das 8h às 9h30.

5. DANÇA, QUALIDADE E VIDA

Professor: Sandro Ferreira

Os testes ocorrerão no dia 04 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade mínima de 30 anos, para uma turma segunda e quarta, das 17h às 18h.

6. DANÇA CÊNICA PARA INICIANTES

Professor: Sandro Ferreira

Os testes ocorrerão nos dias:

* 05 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade entre 15 e 18 anos, para uma turma nas terças e quintas- feiras, das 14h às 16h.

* 05 de Julho, das 18h às 20h, para pessoas com idade mínima de 18 anos, para uma turma nas terças e quintas- feiras, das 18h às 20h.

7. ARTES VISUAIS PARA INICIANTES

Professor: Afrânio Santos

Os testes ocorrerão nos dias:

* 05 de Julho, das 9h às 11h30, para pessoas com idade entre 10 e 11 anos, para uma turma segunda- feira, das 8h às 10h.

* 05 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade entre 10 e 13 anos, para uma turma segunda- feira, das 14h às 16h.

* 05 de Julho, das 9h às 11h30, para pessoas com idade entre 14 e 17 anos, para uma turma quarta- feira, das 8h às 10h.

* 05 de Julho, das 9h às 11h30, para pessoas com idade mínima de 18 anos, para uma turma quarta- feira, das 10h às 12h.

* 05 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade entre 14 e 17 anos, para uma turma quarta- feira, das 14h às 16h. 05 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade mínima de 18 anos, para uma turma quarta- feira, das 16h às 18h.

8. SERIGRAFIA PARA INICIANTES

Professor: Afrânio Santos

Os testes ocorrerão no dia 07 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade mínima de 15 anos, para uma turma terça- feira, das 14h às 17h.

9. PIANO

Professor: Anderson Farias

Os testes ocorrerão no dia 06 de Julho, das 9h às 11h, para adultos, os mesmos devem saber tocar uma peça, para uma turma quarta- feira, 08h às 10h.

10. PIANO PARA INICIANTES

Professor: Anderson Farias

06 de Julho, das 14h às 17h, para crianças com idade entre 09 e 11 anos, os mesmos devem saber tocar uma peça, para uma turma (quarta- feira 08h às 10h).

11. VIOLÃO PARA INICIANTES

Professor: Robert Ruan

Os testes ocorrerão nos dias:

* 04 de Julho, das 9h às 11h, para pessoas com idade mínima de 12 anos, para uma turma quarta- feira, das 8h às 10h.

* 04 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade mínima de 12 anos, para uma turma sexta- feira, das 14h às 16h.

* 05 de Julho, das 9h às 11h, para pessoas com idade mínima de 12 anos, para uma turma quinta- feira, das 16h às 18h.

12. TÉCNICA DE PONTAS (JÁ POSSUIR UMA BASE DE BALÉ CLÁSSICO)

Professora: Demmy Ribeiro

Os testes ocorrerão no dia 06 de Julho, das 08:30h às 10h, para pessoas com idade mínima de 15 anos, para uma turma segunda e quarta, 08h às 9:30h.

13. DANÇA JUVENIL PARA INICIANTES

Professora: Demmy Ribeiro

Os testes ocorrerão nos dias:

* 07 de Julho, das 09h às 11h30, para pessoas com idade ente 14 e 15 anos, para uma turma terça e quinta, 10h às 11h.

* 07 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade ente 14 e 15 anos, para uma turma sexta, 16h às 18h.

14. DANÇA JUVENIL PARA INICIANTES

Professora: Demmy Ribeiro

Os testes ocorrerão nos dias:

* 07 de Julho, das 09h às 11h30, para crianças com idade entre 7 e 8 anos, para uma turma terça e quinta, 08h às 9h.

* 07 de Julho, das 14h às 17h, para crianças com idade entre 9 e 10 anos, para uma turma segunda e quarta, 14h às 15h.

15. DANÇA INFANTO JUVENIL PARA INICIANTES

Professora: Demmy Ribeiro

Os testes ocorrerão nos dias:

* 07 de Julho, das 9h às 11h30, para crianças com idade entre 09 e 10 anos, para uma turma terça e quinta, 9h às 10h.

* 07 de Julho, das 14h às 17h, para crianças com idade entre 09 e 10 anos, para uma turma sexta, 14h às 16h.

 

GRUPOS E CORPOS ARTÍSTICOS 2016/2

16. NUDAC (NÚCLEO DE DANÇA CONTEMPORÂNEA)

Professora: Demmy Ribeiro

Os testes ocorrerão nos dias:

01 de Julho, das 14h às 17h, para pessoas com idade entre 15 e 18 anos que tenham a Base do Balé Clássico, para uma turma segunda e quarta, 15h às 17h.

01 de Julho, das 18h às 20h, para crianças com 18 anos que tenham a Base do Balé Clássico, para uma turma terça e quinta, 18h às 20h.

17. VIOLINO (PRÁTICA DE CONJUNTO)

Professor: Elidielson dos Santos

Os testes ocorrerão no dia 04 de Julho, das 14 às 17h e das 18h às 20h, para pessoas com idade mínima de 13 anos que saibam tocar uma peça com partitura, para uma turma quarta- feira, das 14h às 18h.

18. VIOLÃO (PRÁTICA DE CONJUNTO)

Professor: Robert Ruan

Os testes ocorrerão no dia 04 de Julho, das 14 às 17h, para pessoas com idade mínima de 15 anos, do sexo feminino, que saibam tocar uma peça com partitura, para uma turma terça- feira, das 14h às 18h.

Projeto de aluna da Ufam é apresentado no Fórum Global sobre Consumo Sustentável

Coletores e vendedores de frutos amazônicos são o público beneficiário da proposta de comercialização de polpas e produtos que valorizam a culinária local

Acadêmica do 7º período do curso de Engenharia de Alimentos da Universidade Federal do Amazonas, Sissa Maricaua, 22, apresentou projetos de empreendedorismo social no Encontro Global do The Consumer Goods Forum (CGF), evento sobre consumo sustentável ocorrido entre 15 e 17 de junho de 2016, na Cidade do Cabo, capital da África do Sul.

Na reta final da graduação, Sissa conta que escolheu o curso pela empregabilidade e para ter a possibilidade de trabalhar com o tema sustentabilidade voltado a objetivos específicos. Essa meta tomou forma através do projeto Sumaúma, que visa à diminuição do desperdício de frutos amazônicos e a exploração do potencial culinário desses frutos. Na Ufam, o conselheiro do time é o professor Gilmar Couto, da Faculdade de Educação Física e Fisioterapia (FEFF).

“A ideia é trabalhar com comunidades de coletores e vendedores de frutos em municípios próximos a Manaus, a princípio Presidente Figueiredo, incentivando a transformação das frutas em polpa, o que facilita a manipulação, transporte e estocagem do produto, e aumenta sua validade. A parte culinária deve-se à exploração de receitas a partir da polpa ou das frutas, criando novos produtos que valorizam a gastronomia amazonense. Por fim, uma alternativa aos resíduos é dada, a partir da transformação de caroços em artesanato”, explicou a autora.

Segundo a jovem empreendedora, a redução do desperdício se alia à valorização da cultura regional. “O objetivo é fomentar um negócio social que permita a criação de uma marca para a introdução desses produtos no mercado nacional e internacional”, esclareceu ela, afirmando ainda: “Esse é um projeto de empreendedorismo social, pois empoderamos uma comunidade para criar um negócio sustentável e lucrativo”.

Continente Africano – Três estudantes participaram do Fórum Mundial na África do Sul, mas apenas dois deles, Sissa e Vitor Ungari, este último da USP, apresentaram trabalhos voltados à temática de produção e consumo responsáveis.

O objetivo do Fórum foi incentivar a redução do desperdício de alimentos, tanto na cadeia produtiva quanto no consumo final. Além de participar de palestras e workshops, os estudantes apresentaram trabalhos de empreendedorismo social da organização internacional Enactus. Dentre eles, os projetos Muiraquitã e Sumaúma. Os trabalhos são alinhados à Meta Global para o Desenvolvimento Sustentável da ONU que visa à erradicação da fome.

A acadêmica foi responsável por fundar o time Enactus Ufam, que possui 15 alunos de diferentes áreas e períodos. Juntos, eles desenvolveram os projetos citados. “Acredito que agir em prol do empreendedorismo cria um mundo melhor para todos nós”, afirma Sissa. No Brasil, 1.800 estudantes ajudam a beneficiar mais de nove mil pessoas com trabalhos diferenciados.

“O ‘Sumaúma’ teve muita aceitação e admiração”, informa Sissa. O tema Amazônia já chama a atenção de muitos empresários estrangeiros naturalmente. Junte-se a isso essa ideia simples, mas com potencial de escala. A estudante conta que surgiu interesse em investir na proposta.

“O evento foi de caráter excepcional. Pela primeira vez, estudantes universitários (ou como nos chamam, ‘Millennials’), foram convidados para serem palestrantes no Fórum. Isso se deve ao fato de que o CGF está buscando dar espaço à geração mais nova de mostrar seu potencial, e a criar uma ponte entre projetos e iniciativas universitárias e as grandes empresas”, disse.

Três dos 36 países onde há times Enactus apresentaram projetos: Brasil, Quênia e Marrocos. Sissa conta que se sentiu honrada por representar o Brasil, a Ufam e o time da Enactus aqui. “Foi uma grande honra poder apresentar um projeto de minha própria criação para 900 líderes de empresas e destacar a Amazônia e a minha universidade. Esse é um trabalho de apenas cinco meses e já levou o nome da Ufam tão longe. Não vamos parar”, concluiu.

Sobre a Enactus – É uma organização internacional sem fins lucrativos que fomenta o empreendedorismo social dentro das universidades. Está presente em 36 países e em mais de 1.700 instituições de ensino.  Visite o site da organização.

 
 

Informe Faculdade de Medicina – Calendário do Concurso Edital 025/2016

A Comissão de Concurso para Carreira do Magistério Superior da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Amazonas divulga o calendário do concurso do edital 025/2016, referente às áreas de conhecimento Anatomia patológica (Geral e Bucal), Cirurgia Geral  (estágio), Atenção ao Trauma, Otorrinolaringologia, Pediatria (Estágio), Tocoginecologia (Estágio), Clínica Médica (Estágio) e Propedêutica Médica. O Calendário pode ser conferido em anexo.

IComp e Samsung promovem encontro sobre empreendedorismo com base tecnológica até esta sexta na Ufam

Encerra na tarde desta sexta-feira, 24, o Encontro de Projetos em Ambientes Interativos (EPA! Manaus 2016), um evento do PROMOBILE (Programa de Capacitação em Tecnologias Portáteis e Móveis), fruto da parceria entre a Samsung Eletrônica da Amazônia LTDA e o Instituto de Computação da Ufam.

Como o tema empreendedorismo, o evento atraiu os estudantes da área de tecnologia e lotou os auditórios Jutaí e Javari, da Faculdade de Tecnologia da UFAM. Oficinas e palestras fazem parte da programação.

As startups de base tecnológica são o foco do EPA, que ofereceu oficinas para iniciantes, que aprenderam a transformar sua ideia em uma empresa, e para avançados, para quem já entende o que é uma startup de base tecnológica e precisa de apoio para revisar a sua proposta e suporte para prospectar financiamento.

Ao final do evento, na tarde de sexta, haverá a imersão no negócio, em que dez equipes pré-selecionadas vão colocar à prova suas ideias em uma maratona. Na imersão, as equipes terão 24 horas para formatarem seus respectivos negócios, incluindo o protótipo, bem como todos os diagramas, modelos e apresentações necessários para conquistar o investidor de risco.

O designer Alberto Colares foi o primeiro palestrante do EPA. Ele defende que as empresas devem ser criadas com o objetivo de gerar e distribuir riqueza. Colares é co-fundador e sócio da Black Key Partners, Zunnit Tecnologia, e sócio e diretor-executivo da Neemu Tecnologia.

Ele falou sobre sua experiência nas empresas de base tecnológica e disse que é necessário gostar do que se faz para ter sucesso nos negócios. “Às vezes, também, é preciso fazer a parte chata porque é importante, mas há mais chance de sucesso quando você gosta e acredita no que faz”, afirmou.

O Mestre em Informática, Carlos Mar, reiterou o que Alberto disse. “É necessário planejamento, metodologia, definição de público-alvo e montagem de equipe para fazer dar certo”, disse. E se não der? “Muda a metodologia, ajusta o público-alvo até acertar. Só não vai dar certo se você desistir”, enfatizou ele que possui mais de 15 anos de experiência como desenvolvedor de software e empreendedor e atualmente é analista de sistemas na FPF Tech, atuando como Product Owner em projetos de desenvolvimento de software.

HUGV prorroga edital do PAIC 2016/2017

O Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV), da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), prorroga até a próxima terça-feira, 28, o Edital nº 01/2016 – GEP-HUGV/UFAM/EBSERH, que torna pública a inscrição para seleção de projetos, orientadores e bolsistas, além de colaboradores e voluntários, ao Programa de Apoio à Iniciação Científica (PAIC), edição 2016/2017. O programa é desenvolvido em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam).

Ao todo serão concedidas oito bolsas com recursos da Fapeam, com duração de 12 meses, para o desenvolvimento de projetos com o objetivo de estimular a pesquisa no âmbito hospitalar e a atuação de profissionais e estudantes em atividades de iniciação científicas, tecnológicas e artístico-culturais no HUGV.

Mais informações na GEP, nos telefones  (92) 3305-4708 e (92) 98412-3458

Livro "Amazônia: Passado, presente e Futuro" lança aos amazônidas um novo olhar sobre a região

Publicado em Maio de 2016 pela Editora Juruá e lançado em Curitiba recenetemente, o livro “Amazônia: Passado, presente e futuro” é uma obra feita em conjunto pelos pesquisadores Marcílio de Freitas, Marilene Corrêa da Silva Freitas e Oliver Meunier. O coordenador da publicação, professor Marcílio de Freitas, é atualmente chefe do Departamento de Física da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e professor na instituição desde a década de 70, é autor de mais nove livros e coleciona dezenas de publicações científicas.

Para ele, o tema Amazônia é uma unanimidade mundial, exceto no Brasil. “A difusão e a popularização da Amazônia junto aos jovens brasileiros constitui um desafio posto á nossa geração, que continuaremos a enfrentar” revela o professor, salientando a participação e a necessidade da Ufam como protagonista neste processo. A intersecção de elementos das ciências sociais com processos históricos das técnicas e das ciências da natureza constitui um diferencial deste livro.

Dividida em oito capítulos, a publicação ressalta de maneira atualizada a importância da Amazônia para o Brasil, reafirmando a cultura sofisticada e complexa dos povos nativos desta região. De diferentes áreas de atuação e localizações geográficas e com vasta experiência em pesquisas sobre a região, os autores mostram o descaso dos governos brasileiros em relação a políticas públicas voltadas para o desenvolvimento sustentável da Amazônia.

Segundo Freiras, o uso sustentável da região constitui a forma mais rápida e soberana do Brasil vencer seu atraso científico e tecnológico no intuito de exterminar a miséria e melhorar a qualidade de vida de suas populações.

“O que desejamos é que os amazônidas conheçam melhor os problemas e os desafios que a região põe para todos nós, alinhem seus corações com razões e assumam a liderança dos programas educacionais, científicos, tecnológicos, artísticos e culturais voltados para o seu desenvolvimento” afirma Freiras, durante o ano de 2016 a obra terá lançamentos em Manaus, Belém e Brasília, já em 2017 os lançamentos previstos são para cidades como Lisboa e Paris.

Autores - Marcílio de Freitas, coordenador da publicação, é professor do Departamento de Física da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), desde 1978. Autor de nove livros e mais de uma dezena de artigos. Fez mestrado na Universidade de São Paulo, e estágios de pesquisa na Universidade de São Paulo, na Universidade de Oxford, Inglaterra, e na Unesco, em Paris. Implantou o Centro de Estudos Superiores do Trópico Úmido na Universidade do Estado do Amazonas (UEA).  

Marilene Corrêa da Silva Freitas Marilene Corrêa da Silva Freitas é Profª. do Deptº. de Ciências Sociais da Universidade Federal do Amazonas desde 1979. Mestra pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP), doutora pela Unicamp, e pós-doutora pela Universidade de Caen, França. Atua em comitês estaduais, nacionais e internacionais, responsáveis pelo planejamento e implantação de programas de ciência e tecnologia na Amazônia. Coordena o Programa de Pós-graduação “Sociedade e Cultura na Amazônia” (PPGSCA- Ufam), é autora de oito livros e de inúmeros artigos para jornais e revistas científicas nacionais e internacionais.

Olivier Meunier é doutor em sociologia (1996) e habilitado em dirigir pesquisas desde 2007. É professor da Universidade de Artois, França, e coordenador do Laboratório Recifes. Olivier coordenou vários programas de pesquisa na Europa, na África e na Amazônia brasileira. Publicou vários livros e artigos científicos sobre formação de professores, desenvolvimento sustentável e temáticas associadas à antropologia da educação e às etnociências.

Confira as inscrições homologadas para a seleção do Mestrado em Ciências da Saúde

A coordenação do Mestrado em Ciências da Saúde da Universidade Federal do Amazonas divulga as inscrições homologadas para a seleção 2016/2 (em anexo). A coordenação informa, ainda, que a prova de conhecimentos específicos será realizada no dia 03 de julho de 2016, das 09 às 13h, na Sala 3.1, primeiro andar da Faculdade de Medicina, localizada na Rua Afonso Pena, 1053 – Centro.

Biblioteca da Ufam divulga ferramenta de apoio aos estudantes

Disponível no site da Biblioteca da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), o conjunto de ferramentas pretende auxiliar na aprendizagem, ensino, transferência de conhecimentos e formação utilizando recursos on-line inspirados em um sistema Espanhol.

Organizado pela Divisão de Tecnologia da Informação do Sistema de Bibliotecas da Ufam, o recurso consiste em uma seleção de ferramentas gratuitas de diversas áreas, divididas nas seguintes categorias: audiovisual, criação de mapas, criação de questionários, criação de linha do tempo, livros e revistas, exercícios interativos, marcadores e organização, rede de aprendizagem, verificador de conteúdo, mapa mental e criador de referências.

Dentre as categorias que podem ser utilizadas pelo usuário está o verificador de conteúdo, que pode checar as referências de um artigo científico antes de bancas, a fim de evitar erros no conteúdo ou nas citações.

De acordo com Marcos Roberto Gomes, servidor que organizou o conjunto de ferramentas, a intenção é que elas possam ser utilizadas por todos em qualquer lugar. “O acesso a essas ferramentas educacionais proporciona praticidade por ser salvo na nuvem, ajudando no compartilhamento de conhecimento”, afirma.

Ele também pontua que o conjunto de ferramentas é um trabalho contínuo e colaborativo. “Estamos disponíveis para as sugestões da comunidade, nosso objetivo é oferecer ferramentas que facilitem o acesso à informação”, enfatiza.

Quaisquer dúvidas e sugestões podem ser encaminhadas para o e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Curso de capacitação em Processos de Soldagem está com inscrições abertas

A Pró-reitoria de Gestão de Pessoas (ProGesp), através da Coordenação de Treinamento e Desenvolvimento (CTD) está com inscrições abertas até 13 de julho para o curso de capacitação em Processos de Soldagem, voltado para servidores técnico-administrativos.O objetivo é capacitar o participante nos diferentes processos de solda, visando à escolha das técnicas e parâmetros adequados em função dos materiais a soldar e das condições de trabalho que as peças estão submetidas.

O Curso será realizado no período de 18 de julho a 19 de agosto com carga horária de 100h, no horário de 13h às 17h, no Laboratório de Soldagem (aulas práticas),  do bloco Rio ​Juruá, ​ e ​Laboratório de Simulação ​(aulas teóricas) do Bloco ​Tapauá​ , ​da​ Faculdade de Tecnologia. O instrutor é Wanderson Veras da Silva.   

O requerimento de inscrição está disponível em progesp.wix.com/ddpessoas. Informações pelo telefone: (92) 3305-1487. E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Anexos:
Fazer download deste arquivo (Processos de soldagem (5).pdf)Processos de Soldagem[ ]443 kB

Estudante da FCA desenvolve Startup voltado para comercialização rural

O estudante do curso de Agronomia da Faculdade de Ciências Agrárias (FCA) da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), Macaulay Souza, realizou um case sobre empreendedorismo com o Startup OniSafra.

O startup, que estava sendo idealizado desde 2015, tem como foco os pequenos e médios agricultores, conectando-os com os demandantes de produtos agrícolas. O projeto foi submetido a um programa de pré-aceleração do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), no qual foi selecionado, recebendo tutoria e capacitação para validarem o projeto. Recentemente o startup foi selecionado pelo programa Coca-Cola Open Up, que visa desenvolver negócios de impactos sociais para problemas na Amazônia.

O Startup

O projeto OniSafra visa levar a tecnologia para as áreas de comercialização rural e a sua utilização para facilitar as negociações das safras, garantindo a qualidade dos produtos oferecidos através do startup. A plataforma possibilita a transparência no contato entre o produtor e o comprador, possibilitando uma negociação justa.

ProGesp divulga edital de seleção de estudantes para vagas remanescentes do Auxílio Moradia e Auxílio Acadêmico

A Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas está com inscrições abertas para a seleção de estudantes para as vagas remanescentes do Edital 003/2015, das  modalidades de Auxílio Moradia e Acadêmico, oferecidos aos discentes regularmente matriculados em cursos de graduação presencial da Ufam/ Manaus e Instituto de Educação, Agricultura e Ambiente (IEAA) /Humaitá, selecionados conforme critério acadêmico e de vulnerabilidade socioeconômica.

São 41 vagas de Auxílio Moradia para Manaus, e 177 de Auxílio Acadêmico e 67 de Auxílio Moradia para Humaitá. Para cada um desses municípios existe um prazo de inscrições:

Campus Manaus – 20 de junho a 8 de julho.

Campus Humaitá – 20 a 30 de junho.

Os candidatos que não apresentarem a documentação completa conforme edital, serão desclassificados. O Edital 001/2016 pode ser acessado neste link do Departamento de Assistência Estudantil. Telefone e e-mail: (92) 3305-1795 / O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

PROPESP informa que Certificados de Iniciação Científica estão disponíveis no e-campus

A Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação (PROPESP) da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), por meio do Departamento de Pesquisa, informa que os certificados dos Projetos de Iniciação Científica 2014/2015, encontram-se disponíveis no e-campus.

Os Certificados estão disponíveis para os Projetos que não apresentam pendências com a PROPESP. Para requisitá-los, os interessados devem acessar o link Pesquisa, disponível no e-campus, e usar o código do Projeto.

Com agência instalada na UFAM, Banco Santander divulga vantagens a universitários

Carteirinha de estudante válida em 125 países, parceria com redes de cinema e acesso ao Portal de formação Universia estão entre as vantagens apontadas pela rede bancária a estudantes correntistas.

Leia mais...

ProGesp abre inscrições para o curso de capacitação EaD `Programa em Licitações e Contratos Administrativos´

A Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (ProGesp), por meio da Coordenação de Treinamento e Desenvolvimento (CTD), do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas, em parceria com o Centro de Educação a Distância (CED), comunica aos servidores técnico-administrativos da Ufam que estão abertas as inscrições para o curso: "Programa em Licitações e Contratos Administrativos" na modalidade de Educação a Distância  - EaD.

O objetivo do curso, conforme Plano Anual de Capacitação (PAC) 2016, é de proporcionar aos participantes uma noção geral dos procedimentos adotados em cada modalidade licitatória.

Com carga horária de 60h, o curso terá como instrutor o servidor Germano Bessa Lopes, e ocorrerá no período previsto entre 11 de julho a 25 de agosto. As aulas serão desenvolvidas na plataforma digital de aprendizagem Moodle com as seguintes temáticas:

  • A decisão de contratar e o Estado como principal contratante;
  • Princípios aplicáveis em licitações;
  • Apreciação da legislação aplicável;
  • O processo licitatório;
  • Contratações diretas;
  • Modalidades de licitação;
  • O pregão presencial (Lei nº 10.520/2002) Eletrônico (Decreto nº 5450/2005);
  • Permissão onerosa de uso;
  • Processo de contratação: adjudicação, homologação e assinatura do contrato;

Os interessados em participar do curso, devem preencher o documento em anexo e encaminhá-lo até o dia 06 de julho de 2016, via protocolo, para a CTD, localizada no Centro Administrativo, setor Norte do Campus Universitário Arthur Virgílio Filho. Informações pelo telefone: (92) 3305-1487. E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

PROTEC divulga resultado preliminar do PIBITI 2016

A Pró-Reitoria de Inovação Tecnológica (PROTEC) divulgou o resultado preliminar dos projetos recomendados no processo de avaliação do Programa Institucional de Bolsas de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação – PIBITI, Edital Nº 01/2016. A relação segue abaixo e o prazo para recursos é de 48h, a contar do dia 20 de junho.

Informações pelo telefone: (92) 3305-1758. E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Notícia relacionada

Resultados do PIBITI 2016 têm novo calendário

 

Experiências Sociais Amazônicas são destaques na quinta edição da Revista Terceira Margem

A Universidade Federal do Amazonas (UFAM) em parceria com a Embrapa Amazônia Ocidental realizou nos dias 16 e 17 de junho, o Workshop “Produção Científica: Desafios da Pesquisa, Ensino e Extensão para a Sociedade Amazônica”, no Centro de Ciências do Ambiente (CCA), setor Sul do Campus Universitário Arthur Virgílio Filho, em Manaus. 

Durante o evento, foi lançada a 5ª edição da revista Terceira Margem Amazônia, elaborada pelo grupo de pesquisa “Agricultura familiar, Sustentabilidade e Ruralidade”, liderado pela Embrapa Amazônia Ocidental, em parceria com o Núcleo de Socioeconomia da Faculdade de Ciências Agrárias da UFAM (Nusec). 

A coordenadora do Nusec e do CCA, professora Therezinha Fraxe, representou a Universidade e destacou a importância das publicações. “A produção científica significa parte da nossa identidade. É uma forma de devolver para a sociedade parte do nosso trabalho”, relata a professora.

Na avaliação de Therezinha, é necessário que a UFAM formalize uma parceria com a Embrapa para a produção de trabalhos científicos. “É uma honra receber esse evento. Estamos aqui para somar”, declara.  

Conforme o coordenador do evento e editor da Terceira Margem, o pesquisador Lindomar de Jesus de Sousa Silva, a revista busca divulgar trabalhos oriundos de estudos, pesquisas e experiências sociais relacionados à Amazônia. “A publicação é um meio de difundir e levar à comunidade informações que vão ajudar a resolver seus problemas, mostrando para a sociedade os resultados e a relevância das pesquisas desenvolvidas. É com essa perspectiva que os organizadores da Revista Terceira Margem Amazônia promovem o evento”, afirma Lindomar. 

Com informações da Embrapa Amazônia Ocidental

Direito obtém nota 4 no Conceito Preliminar do Curso

Comissão de avaliadores do INEP esteve na Faculdade de Direito de 5 a 8 de junho.

Diretor da Faculdade de Direito, professor Sebastião Marcelice Gomes, atribui a excelente nota ao trabalho desenvolvido com o apoio da Administração Superior e ao empenho de toda a comunidade acadêmica da FD.Diretor da Faculdade de Direito, professor Sebastião Marcelice Gomes, atribui a excelente nota ao trabalho desenvolvido com o apoio da Administração Superior e ao empenho de toda a comunidade acadêmica da FD.

O CPC é um indicador de qualidade que avalia os cursos superiores. É obtido no ano seguinte ao da realização do Enade de cada área. Na análise, são considerados itens como desempenho de estudantes, corpo docente, infraestrutura e recursos pedagógicos do curso.

A Comissão de avaliadores do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) realizou, de 5 a 8 de junho, visita in loco e estabeleceu a nota 4 como Conceito Preliminar do Curso (CPC) de Direito da universidade Federal do Amazonas. O índice vai de 1 a 5.

Compromisso da comunidade universitária

Para o diretor da Faculdade de Direito (FD), professor Sebastião Marcelice Gomes, a nota reflete o empenho contínuo da comunidade da FD em oferecer serviços de excelência à sociedade. “Essa nota é resultado de um trabalho desenvolvido com o apoio da Administração Superior e com o empenho de toda a comunidade acadêmica da FD. Ampliamos, de forma efetiva, todo o nosso campo de atuação e com isso, temos alcançado os melhores índices de aprovação na OAB; temos o Certificado OAB Recomenda, que nos coloca entre as melhores Faculdades de Direito do país; somos bem-sucedidos em competições nacionais e internacionais, como júris simulados promovidos pelo Ministério Público Estadual e pela Escola de Magistratura ou a Seletiva Regional Norte da Competição Nacional de Arbitragem. Atuamos com destaque na competição de Direitos Humanos nos EUA. Temos participação efetiva na Extensão universitária para atendimento da comunidade, como a FD nas Escolas e o Núcleo de Práticas Jurídicas. No campo da atividade docente, temos a criação de grupos de pesquisas em diversas áreas do conhecimento, além do investimento expressivo na capacitação de nossos professores. Ou seja, a nota dos avaliadores do INEP reflete um progresso fantástico que é fruto do compromisso de cada professor, técnico e estudante da FD”, afirmou o diretor.

 

Coordenadora do curso de Direito, professora Marina Araújo. "Recebemos essa nota 4 com muito júbilo!"Coordenadora do curso de Direito, professora Marina Araújo. "Recebemos essa nota 4 com muito júbilo!"

A coordenadora do curso, professora Marina Araújo, comemora o fato de todos os critérios que avaliaram a coordenação do curso obterem a nota máxima. “Recebemos esse resultado com muito júbilo. Sempre digo que a direção da faculdade é a cabeça; a coordenação de graduação é o coração e os departamentos são os membros da FD. O mais importante é que essa vitória não foi solitária. A coordenação tem uma equipe fantástica, uma equipe muito afinada porque todos sabem seu papel. Há uma grande afinidade com a direção, o que ajuda muito, pois não há disputas internas e nossas decisões são conjuntas. Foi uma vitória do todo, global”, destacou a coordenadora.

 

Ao Centro, Vanessa Leite, com os colegas do Centro Acadêmico de Direito.Ao Centro, Vanessa Leite, com os colegas do Centro Acadêmico de Direito.

A presidente do Centro Acadêmico de Direito (CAD), Vanessa Leite, atribui a nota 4 às melhorias na condução do curso e às lutas discentes. “A nota 4 dada pelo MEC à nossa Faculdade de Direito reflete não só melhorias na condução do curso mas também anos de luta discente para uma significativa mudança da nossa Velha Jaqueira. Hoje, nós alunos, somos representados nos Conselhos Superiores da Universidade, no Colegiado e Departamentos dos Cursos e já conhecemos melhor o que está acontecendo na faculdade.É um novo tempo. Professores foram contratados, a Biblioteca da FD dá apoio enorme aos discentes, oferecendo bases de dados de pesquisa e ensino. Vejo essa nota 4 do MEC como um lembrete de que a situação atual da Faculdade melhorou mas ainda tem o que melhorar e estamos dispostos para contribuir da melhor forma possível para que isso aconteça”, declarou a presidente do CAD.

 

 

Curso de Direito da UFAM

O curso de bacharelado em Direito da Universidade Federal do Amazonas foi validado pela Lei 601 de 08 de outubro de 1909. Foi reconhecido pela Lei Federal 924 de 21 de novembro de 1949. Conta com 128 vagas anuais, ofertadas nos períodos diurno e noturno. Possui atualmente 764 alunos regularmente matriculados, distribuídos em 10 turmas. O corpo docente é composto por 33 professores efetivos e 4 substitutos.

Notícias relacionadas:

Bicampeonato: UFAM vence II Seletiva Regional Norte da Competição Nacional de Arbitragem

UFAM é destaque em competição de Direitos Humanos nos EUA

 

 
 

Núcleo de Línguas da Ufam abre inscrições para cursos presenciais de Inglês com início em julho

O Núcleo de Línguas (Nucli) da Ufam, vinculado ao Programa Idiomas sem Fronteiras (ISF), está com inscrições abertas até 27 de junho para o processo seletivo, Edital 59/2016, referente à Oferta 05/2016, que visa à ocupação de vagas dos cursos presenciais de inglês.

As inscrições devem ser efetuadas exclusivamente no site isfaluno.mec.gov.br até às 12h do dia 27/06, horário oficial de Brasília. Na Ufam serão ofertados os seguintes cursos:

1) Compreensão oral e conversação em Inglês (A2 - Básico) - 16 horas - terças e quintas, das 10h às 12 h – professora Talita Viale (Sala 7 da Faculdade de Tecnologia – FT);

2) Inglês para o Mercado de Trabalho (B1 - Pré-intermediário) - 16 horas - segundas e quartas, das 18h às 20h – professora Talita Viale (Sala 7 da Faculdade de Tecnologia – FT);

3) Leitura para Exames de Proficiência em Inglês (A2 - Básico) - 32 horas - terças e quintas, das 18h às 20 h – professora Talita Viale (Sala 7 da Faculdade de Tecnologia – FT);

Podem se inscrever:

- Alunos de graduação, de mestrado ou de doutorado, Técnicos e Docentes das universidades federais credenciadas que tenham realizado o teste TOEFL ITP por meio do Programa IsF-Inglês com resultado já publicado no site: isfaluno.mec.gov.br

O calendário da Oferta 05/2016 fica, então, da seguinte forma:

Inscrições:16 a 27 de junho

Resultado:1 de julho

Início das aulas:11 de julho (para as turmas de segunda e quarta); 12 de julho (para as turmas de terça e quinta)

(Obs: Os períodos acima foram atualizados em relação ao Edital 59/2016)

Abaixo seguem o Edital 59/2016 do Processo Seletivo; Quadro de Horários dos cursos da Oferta 05/2016 do NUCLI; e Quadro Comum Europeu de Referência – QCER do EXAME TOEFL ITP. Informações: (92) 3305-1181 Ramal 2124 / 99152-6984/ O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. . O Nucli Ufam está localizado na sala 15 da Faculdade de Tecnologia, setor norte do Campus. 

PROEG abre inscrição para Processo de Revalidação de Diplomas de Graduação

A Pró-Reitoria de Ensino de Graduação  (PROEG) da UFAM informa que já estão abertas as inscrições para o Processo de Revalidação de Diplomas de Graduação, expedidos por estabelecimentos estrangeiros de Ensino Superior.
 
As inscrições serão realizadas por meio do preenchimento completo do Requerimento para Revalidação de Diplomas Estrangeiros, disponível no site da PROEG, no período de 4 de julho a 30 de dezembro de 2016, respeitando o número de vagas estipuladas no Edital. 
 
Os candidatos que tenham as inscrições efetivadas, devem comparecer durante este período, no horário de 9h as 12h e das 14h às 17h, nos locais especificados no Quadro 2 do Edital, de acordo com o Curso e a respectiva Unidade Acadêmica. Os documentos necessários para o Processo são:
  • Requerimento padrão preenchido e assinado (Anexo III do Edital);
  • Documento de Identificação com foto, para brasileiros; e passaporte com visto temporário, ou permanente, no país, quando estrangeiro;
  • Cadastro de Pessoa Física (CPF) ou comprovante de regularidade, que pode ser obtido no site da Receita Federal ou nas agências do Banco do Brasil, da Caixa Econômica Federal ou dos Correios;
  • Certificado de Proficiência em Língua Portuguesa para Estrangeiros (CELPE-Bras);
  • Diploma do curso superior a ser revalidado;
  • Histórico escolar do Curso Superior, com graus e conceitos;
  • Conteúdo programático das disciplinas da Instituição de origem;
  • Comprovante de pagamento da taxa de inscrição.

O Edital completo está disponível no site da Proeg: proeg.ufam.edu.br. Telefones: (92) 3305-1481 / 1482.  

II Seminário de Antropologia Social inicia com debates sobre o fazer antropológico na Amazônia

O evento comemora os dez anos do Departamento e da Pós-Graduação em Antropologia

Discutir e avaliar o desenvolvimento das pesquisas e os avanços acadêmicos da última década na área de Antropologia Social, o II Seminário aborda o tema “Memórias e Desafios na Amazônia” até esta sexta-feira (17). Na programação, mais de 80 inscritos irão debater em nove Grupos de Trabalho, cujas discussões serão realizadas nos próximos dias, no auditório Rio Solimões do Instituto de Ciências Humanas e Letras (ICHL) da Ufam.

Segundo explica a coordenadora geral do evento, professora da graduação e da pós-graduação em Antropologia Social (PPGAS), professora Fátima Weiss, em 2006 começou a ser formatado o nascimento do curso de Antropologia de forma autônoma, ou seja, separado do curso de Ciências Sociais, e também da pós-graduação Lato Sensu, a partir da contratação de um grupo de docentes doutores na área. “Queremos fazer uma retrospectiva, refletir sobre a trajetória do PPGAS e dos grupos de pesquisa com projetos consolidados e parcerias interinstitucionais”, explicou ela, ao falar sobre a consolidação dos estudos antropológicos sobre a Amazônia.

Na mesa de abertura, ao representar a Administração Superior, o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, professor Gilson Monteiro, reconheceu que o curso de Antropologia levou a Ufam a ser vanguarda. “Tivemos a primeira graduação em Benjamin Constant, a possibilidade de alunos indígenas defenderem seus trabalhos na língua materna e a política de cotas para toda a Ufam foram resultados de discussões com a Antropologia. Junto com as Ciências Sociais, esse curso alimenta o espírito da Universidade. Sejamos sempre vanguarda e ousados”, afirmou.

Participaram da abertura do Seminário, além do pró-reitor da Propesp e da coordenadora geral do evento, a diretora do Departamento de Produção de Imagens da Proext, representando a Pró-Reitoria de Extensão, professora Ítala Clay; a diretora do ICHL, professora Suely Baçal; a diretora do Museu Amazônico, professora Maria Helena Ortolan; o coordenador do PPGAS, professor Sidney da Silva; o chefe do Departamento de Antropologia, professor Raimundo Nonato; e o coordenador do curso de Ciências Sociais, professor Thiago Jacaúna.

Resgate – “No Museu Amazônico iniciaram discussões sobre a implantação do departamento e do PPG”, recordou a professora Maria Helena Ortolan, diretora do Museu. Ela se lembra dos primeiros encontros para construir as estratégias da Pós-Graduação e das linhas de pesquisa. O Programa possui cinco linhas, quais sejam: 1. Antropologia da Amazônia Indígena; 2. Povos tradicionais e mundo rural amazônico; 3. Política, Territorialidade e Mobilização Social; 4. Linguagem, Arte e Sistemas Simbólicos; e 5. Cidade, Patrimônio e Práticas Culturais Urbanas. Leia mais sobre o PPGAS na página do Programa.

O coordenador do PPGAS, professor Sidney da Silva, apresentou os dados atualizados sobre o Mestrado e o Doutorado no vídeo “Breves Memórias”, exibido pela organização do II Seminário. Atualmente, são 37 mestrandos, sendo 10 deles indígenas; e 38 doutorandos, sendo um deles indígena. 52 pós-graduandos obtiveram titulação de Mestre, com cinco deles indígenas; outros quatro já receberam o título de Doutor.

Socorro Batalha, que também faz parte da coordenação do evento, já está no segundo ano do doutorado em Antropologia Social, iniciado após a conclusão do mestrado, em 2015. Ela participará do Grupo de Trabalho 09 - Arte, Performance e Musicalidade. “Irei apresentar o resultado da minha dissertação, desenvolvida na minha cidade natal, Parintins. Pesquisei sobre o processo de criação de uma Companhia de Dança para analisar a relação entre o coreógrafo e o dançarino”, explicou a doutoranda, ao enfatizar: “Toda toada tem um contexto, que surge a partir do enredo a cada ano”.  Esse é um dos mais de 80 textos a serem debatidos nos GTs.

Conferências – Na tarde desta terça-feira (14), duas apresentações deram início às atividades. O professor Alfredo Wagner de Almeida, docente em programas de Pós-Graduação de diversas universidades, discorreu sobre as perspectivas da Antropologia da e na Amazônia. Ele fez questionamentos sobre essa questão ao recordar de autores como José Veríssimo e Couto de Magalhães, cujos estudos remontam de meados século XIX, sobre os mocambos.

Após isso, o conferencista discorreu sobre a trajetória da Antropologia no século XX, lembrando os trabalhos realizados por estudiosos como Eduardo Galvão e Darcy Ribeiro. O discurso culminou nas circunstâncias de instalação dos primeiros cursos de Antropologia no País. “A Antropologia é transhistórica, mas a Amazônia deve ser problematizada como conceito complementar do fazer antropológico. De que se trata a Amazônia? Seria um gênero, um domínio de conhecimento, um tema ou uma coleção de títulos? É preciso pensar numa definição complexa da Amazônia, a partir de uma dinâmica peculiar”, disse o professor, que também coordena o Programa Nova Cartografia Social da Amazônia.

A segunda apresentação foi do professor Antônio Carlos de Souza Lima, presidente da Associação Brasileira de Antropologia (ABA) e do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro. A conferência foi sobre a Antropologia feita no Brasil em tempos de crise social.

** Confira a programação completa na página II Seminário de Antropologia

** Dúvidas? O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .

 

Solicitação de Prática de Campo pode ser feita via E-campus

 

A Pró-Reitoria de Ensino de Graduação (PROEG), por meio do Departamento de Apoio ao Ensino (DAE), informa que passa a disponibilizar o requerimento para a Prática de Campo por meio do Sistema E-campus (Portal do professor e do Aluno). A solicitação poderá ser realizada no período de 15 de junho a 8 de julho de 2016. Nesta fase de implantação do novo sistema, a solicitação da Prática de Campo poderá ocorrer de forma física e/ou digitalizada.

Informações pelo telefone da secretaria da PROEG: 3305-1482.

Nota de falecimento - professor Carlos Alberto Cardoso

A Universidade Federal do Amazonas, por meio da Faculdade de Estudos Sociais, cumpre o doloroso dever de informar o falecimento, ocorrido em São Paulo, do professor aposentado Carlos Alberto Cardoso, do Departamento de Contabilidade.

O corpo será velado na manhã de quarta-feira, 15, na Funerária Canaã, localizada na Rua Major Gabriel, 1833, Bairro Praça 14.  O sepultamento será à tarde, às 15h, no cemitério São João Batista. 

Adiantamento da gratificação natalina será pago junto com o salário de junho

A Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (PROGESP) da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) informa que o 13° salário será automaticamente processado na folha de pagamento do mês de junho de 2016 por meio do Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos (SIAPE).

O adiantamento da gratificação natalina será disponibilizado para os servidores que não solicitaram o pagamento por ocasião de férias, para aposentados e beneficiários de pensão.

Processo Seletivo Simplificado para contratação de professores substitutos

A Fundação Universidade do Amazonas torna público a abertura de Processo Seletivo Simplificado para contratação de professores substitutos, em caráter temporário, para atender demandas de unidades acadêmicas da capital.

O presente processo seletivo é destinado à contratação de cinco professores substitutos para atender necessidade temporária de excepcional interesse público.

As inscrições começam nesta segunda-feira, 13, e vão até o dia 17 de junho, das 9h às 11h e das 14h às 17h, diretamente nas secretarias das unidades acadêmicas que oferecem as vagas. Os endereços de cada unidade acadêmica, bem como seus respectivos contatos, constam no edital. Também serão aceitas inscrições via Sedex ou qualquer outro serviço de entrega rápida disponível na localidade do candidato, desde que o pagamento da taxa de inscrição e a data da postagem tenham sido comprovadamente efetuados até o dia 17 de junho de 2016 e, enviadas exclusivamente para o endereço da unidade acadêmica que oferece a vaga a que o candidato pretende concorrer.

Anexos:
Fazer download deste arquivo (edital_professor substituto.pdf)Edital 032/2016[ ]94 kB

Membros da Comissão Interna de Supervisão tomam posse para novo triênio

Membros assumem CIS até 2019Membros assumem CIS até 2019Disposta a trabalhar para que mais melhorias nas condições de trabalho dos servidores técnico-administrativos em educação (taes) sejam alcançadas, a nova gestão da Comissão Interna de Supervisão (CIS) tomou posse em cerimônia realizada na manhã desta sexta-feira, 10, no auditório da Faculdade de Direito.

Sebastião Cabral assume como coordenador da CISSebastião Cabral assume como coordenador da CISSebastião Carlos Cabral (coordenador), Adelson Ferreira Carneiro, Ronaldo Vitoriano Bastos, Iedivaldo Martins Rosa e João Teófilo de Paula Filho tomaram posse como titulares da CIS. Atuarão como membros suplentes, Amândio Jorge Taveira Venâncio, Maria Rosalba da Costa Bilby e João da Silva Araújo.

Em pronunciamento, a reitora da Universidade, professora Márcia Perales Mendes Silva, afirmou que todo apoio será dado pela Administração Superior para que a comissão desenvolva seu trabalho com qualidade. “Reconhecemos a importância da comissão. Queremos que o trabalho avance e, para isso, nosso apoio está firmado”, anunciou. A gestora disse que a compreensão da atuação da CIS beneficia toda a Instituição e, portanto, deve ser reconhecida pela comunidade acadêmica. “Também é muito importante que todos os setores da Universidade entendam a CIS como uma comissão que tem um papel muito importante para aquilo que buscamos: melhores condições de trabalho, avanços em relação às nossas políticas; e eu tenho certeza que esse trabalho será feito com muita competência, com muita dedicação”, expôs.

Trio de suplentes da CISTrio de suplentes da CISDe acordo com o vice-reitor da Instituição, professor Hedinaldo Lima, a CIS é fundamental para a concretização do plano de desenvolvimento de pessoas que trabalham na UFAM. O gestor ressaltou a experiência dos profissionais empossados como fator positivo para o alcance dos objetivos propostos pela comissão. “São pessoas que sabemos do trabalho que têm desenvolvido em prol dos servidores técnico-administrativos da Universidade. E nessa oportunidade, a CIS continua tendo esse papel e queremos ampliar sempre mais esse diálogo para que possamos colaborar também nesse processo”, declarou.

Iedivaldo Martins responderá pela secretaria da CISIedivaldo Martins responderá pela secretaria da CISPara o coordenador da Comissão Interna de Supervisão, técnico-administrativo em educação Sebastião Carlos Cabral, a CIS terá à frente três anos de muito trabalho voltado à implementação da avaliação de desempenho dos profissionais e ao dimensionamento da realidade da categoria na Instituição. Para concretizar essas ações, o coordenador disse ser necessário o compromisso conjunto da comissão, da Universidade e do governo federal. “O dimensionamento nos dará um quadro para que possamos visualizar a realidade da UFAM tanto quantitativo, quanto qualitativo”, explicou. “Assumimos, perante a comunidade, o compromisso de dar continuidade no processo de engrandecimento da nossa carreira para ajudar a Instituição a cumprir a sua missão”,

Empossado como secretário da CIS, Iedivaldo Martins Rosa, representou os demais membros durante os pronunciamentos. Para Martins, é motivo de satisfação compor a comissão que colabora para o crescimento e reconhecimento dos profissionais técnico-administrativos em educação da UFAM. “Nos sentimos na obrigação de zelar pelo cumprimento das finalidades da comissão”, declarou.

Propor à Comissão Nacional de Supervisão as alterações necessárias para o aprimoramento do plano de carreira dos taes da Universidade; apresentar propostas e fiscalizar a elaboração e a execução do plano de desenvolvimento de pessoal e dos programas de capacitação; avaliar e dimensionar a necessidade de profissionais e o modelo de alocação de vagas, além de avaliar anualmente as propostas de lotação de técnicos da Instituição estão entre as atribuições da CIS.

A nova composição da CIS foi eleita em 22 de março nos seis campi da UFAM em Manaus (sede), Itacoatiara, Parintins, Coari, Humaitá e Benjamin Constant.

 

 

Nota de Pesar - Professora Cremilda Pinheiro Dias

 

A Universidade Federal do Amazonas (UFAM) informa com pesar o falecimento da professora Cremilda Pinheiro Dias, que atuou na Faculdade de Medicina (FM) e no Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV), na noite de sexta-feira, 10 de junho.  

O velório ocorre no auditório Doutor Zerbini, da FM. O sepultamento está previsto para às 16h, no Cemitério São João Bastista. A missa de sétimo dia ocorrerá na quinta-feira, 16, às 20h, na Igreja de Nossa Senhora de Nazaré, em Adrianópolis. 

 

Mestrado em Ciência e Engenharia de Materiais oferta 11 vagas para o segundo semestre

Estão abertas as inscrições para preenchimento de 09 (nove) vagas regulares e outras 2 (duas) suplementares no curso de Mestrado do Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais (PPGCEM), com inscrições entre 13 e 24 de junho, na página da Seleção do PPGEM/FT.

Para concorrer, é necessário ter diploma de nível superior ou ser finalista em curso de graduação reconhecido pelo MEC. Para acompanhar resultado do pedido de isenção, homologação das inscrições e resultado da 1ª etapa, acesse: http://ppgcemufam.wix.com/selecao2016-2#!resultados/kmhni.

A seleção compreende duas etapas. A primeira é a Prova de Conhecimento, de caráter eliminatório e classificatório, conforme o Anexo II do edital. Essa prova ocorrerá no dia 4 de junho de 2016, das 14 às 18h, em local a ser divulgado na página da Seleção.

A segunda etapa é a Prova de Títulos, classificatória. Somente os classificados na primeira fase deverão entregar o currículo Lattes com os documentos comprobatórios. Ocorrerá em 15 de junho de 2016, entre 14 e 17h. O resultado será divulgado no dia 19 de julho de 2016, também na página da Seleção.

 

Instruções para as inscrições

1. Ler o Edital;

2. Preencher o formulário eletrônico com atenção;

3. Pagar a Guia de Recolhimento do GRU no valor de R$ 70,00;

4. Enviar o comprovante de pagamento da Guia de Recolhimento GRU para o e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. , colocando no título do e-mail o Nome do Candidato e Guia GRU, até o dia 24/06/2016;

5. Caso haja interesse na Isenção da Taxa Inscrição o candidato deve preencher o Requerimento de Isenção da Taxa de Inscrição (Anexo 07), assinar, escanear e enviar para o e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. colocando no título do e-mail o Nome do Candidato e o Requerimento de Isenção, até o dia 17/06/2016 para análise da comissão de Seleção;

6. Caso o Requerimento de Isenção seja indeferido o candidato deve fazer o pagamento no prazo normal descrito no edital.

 

** Mais informações: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.